7 de jul de 2011

SOLO (002) – TIPOS DE SOLO

O solo é um importante componente do ciclo de nutrientes, uma cadeia de processos responsável pela manutenção da vida em nosso planeta.

 
Para que a função do solo no ciclo de nutrientes seja devidamente cumprida, alguns seres vivos que o habitam são essenciais. Entre eles, destacam-se:
- minhocas – arejam o solo e produzem fezes ricas em húmus;
- decompositores (fungos e bactérias) – degradam a matéria orgânica e a transformam em nutrientes.
As capacidades de infiltração e retenção de nutrientes do solo podem variar de acordo com sua composição, principalmente tomando como base a quantidade de argila e areia presentes.
Desta forma, podemos classificar o solo nos seguintes tipos:
- rochoso – não apresentam horizontes A e B bem definido, sendo de formação recente;
- arenoso – solos secos e pobres em nutrientes, ricos em areia;
- argiloso – ricos em argila, retém grande quantidade de nutrientes, porém apresentam baixa capacidade de infiltração;
- médios – possuem quantidades equilibradas de areia e argila, o que permite boa retenção de nutrientes e boa capacidade de infiltração.

PROPRIEDADES DO SOLO

As capacidades acima descritas são avaliadas de acordo com duas propriedades físicas do solo: a porosidade e a permeabilidade.
Chamamos de porosidade o espaço entre as partículas que formam o solo, o que possibilita o acúmulo de gases e de água.
Já a permeabilidade corresponde à velocidade da penetração da água, dividindo os solos em permeáveis, semipermeáveis e impermeáveis.
Solos permeáveis e semipermeáveis com porosidade relativamente alta possibilitam a formação de reservas subterrâneas de água denominadas lençóis freáticos e aquíferos.
No território sul-americano encontramos um dos maiores aquíferos do mundo, o Aquífero Guarani, localizado nos territórios do Brasil, Paraguai, Argentina e Uruguai.

SOLOS DO BRASIL

De acordo com a EMBRAPA (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária) no Brasil encontramos 36 tipos de solos diferentes, divididos em 2 grandes grupos: latossolos e argilossolos.
Os latossolos correspondem à solos com grande quantidade de argila, pouca diferenciação entre as sequências dos horizontes A, B e C; e pequena reserva de nutrientes.
Os argilossolos possuem maior permeabilidade e maior quantidade de nutrientes, com textura média que, muitas vezes, tende à arenosa. É comumente encontrado nas regiões do cerrado brasileiro.

Dúvidas e sugestões: professorthiagorenno@gmail.com

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário